terça-feira, 1 de outubro de 2013

Ser produtivo

Já consigo levantar-me da cama assim que o despertador toca às sete da manhã. No entanto, passadas cerca de duas a três semanas, sinto que continuo a não ser produtiva da parte da manhã. Entre tomar o pequeno almoço (pois acordo esfomeada), a tomar banho, ir com o Zeca à rua, ajudar o marido a arrumar a marmita, sinto que perco uma hora. Por um lado (e por enquanto), sabendo que estou na fase de adaptação, até nem me preocupo muito uma vez que às 9h00, hora de iniciar o trabalho do ganha-pão, estou mais desperta do que o habitual e o meu cérebro já está (quase quase) 100% operacional. Mas o que eu queria era cair na cadeira da secretária por volta das 7h20 e começar logo a trabalhar. A reler os apontamentos do dia anterior. A ver o que preciso de ler para o dia de hoje. Se existe algum conceito que tenha de rever para compreender. (Passados não sei quantos anos de largar a escola, o conceito de património, a sua composição e classificação, pareceu-me hoje muito mais sencillo. )

Ainda não me atrevi a acordar antes de 7h00, mas parece-me que amanhã será o dia! 

É que depois, ao longo do dia, entre fazer a cama, lavar a loiça, tratar da roupa e outra qualquer tarefa que reclame urgência, perco mais não sei quanto tempo. E neste momento, o meu tempo é ainda mais precioso. Tenho de conseguir cumprir com o objetivo de terminar o curso e, apesar de ter conseguido algumas equivalências (uma delas a matemática YEAH) sei que ainda vou demorar um bocadinho, estou a contar com uns três anos a viver na escuridão. Desta vez, vou conseguir!

E pronto, tinha de desabafar a ansiedade que sinto. Ai, o sucesso dói tanto. :(

6 comentários:

  1. Tenho a certeza que vais conseguir. Neste momento não te falta coragem e determinação e isso é a base do sucesso.
    Boa sorte :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana!
      Obrigada pelo apoio! Ontem tive de organizar tarefas domésticas que me obrigaram a estar acordada até à 1:00. Nem me atrevi a levantar mais cedo, aliás, hoje dormi até às 8:00, mas foi porque me estava a sentir fisicamente (e psicologicamente) esgotada.
      Amanhã, espero deixar aqui melhores notícias!
      Beijinho

      Eliminar
  2. Oi Rita, que saudades que tava do teu blog!!! Eu ando numa fase muito ruim muito deprimidinha. :-( Estou precisando de férias assim como voce. Estou adorando a novidade que voltou a estudar. Que bom! Eu nao consigo dormir é antes da 1 da manha. Fico sempre a perder tempo no computador, facebook e nao é trabalhando nao. Eu também fico vivendo este dilema de trabalhar em casa e ver tudo o que tem na casa pra fazer mas fico me sentindo angustiada e culpada se paro para fazer algo. Enfim... aquela historia que voce conhece e me entende. Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alessandra! Obrigada pela visita! Sim, compreendo perfeitamente a questão de querermos cumprir com o horário ao mesmo tempo que acabamos sempre por nos distrairmos com alguma coisa e, ao mesmo tempo que sentimos que não aproveitamos convenientemente a oportunidade de trabalhar em casa. Este assunto dará um belo post! :)
      Beijinho

      Eliminar
    2. pois é Rita! Ia gostar de trocar ideias contigo e outras leitoras. Eu sei que tem muitas das minhas colegas que queriam estar no meu lugar... Aqui no Rio de Janeiro o transito é horrivel e alem disso nós trabalhamos ate as 20h todos os dias entao ....já estar de casa é uma ajuda e tanto. Mas eu estou numa fase como te disse, complicada. Beijos. Vou passando sempre aqui no blog para ter noticias tuas. Beijinhos

      Eliminar
    3. Que a fase complicada passe bem rápido! Força! :)

      Eliminar

A sua opinião conta!