segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Estarei numa fase de mudança?

Tipo menopausa cerebral? Uma vez mais repetiu-se a sensação estranha do fim de semana anterior. No regrets, no hard feelings, nada. Foi qualquer coisa do tipo: Fim de semana = Dia normal. 

Adianto que andei numa azáfama. Na sexta, saí à hora certinha do trabalho. Fiz uma reciclagem à muito reclamada. Sapatos que não uso, não gosto, altos de mais, ou outros, dei para quem lhes dê o uso devido. Folhas, contas, resumos, etc etc etc, lixo, sem dó nem piedade. Senti-me tão leve. 

Segunda missão do dia de sexta: conseguir os livros escolares do sobrinho mais velho. Como esforço-me por ser boa pessoa, consegui todos os livros no mesmo dia e num espaço de duas horas. Entre a biblioteca de Oeiras e a Florista do Cacém, reuni tudo o que precisava. 

Terceira missão: Pequenas compras para repor alimentos essencias, e arrumação da cozinha.

Tudo isto na sexta. Sábado:

Acordei cedinho, o Zeca não permite descansos matinais... E dediquei-me à cozinha. Limpei e organizei o frigorífico. Ficou perfeito! Lavei loiça, arrumei loiça, limpei bancadas, lavei o chão. Enfim, uma manhã inteira para ficar com a cozinha impecável.

De tarde, fui visitar uma tia. Agora, e enquanto não regresso às aulas, os fins de semanas são para passear e estar com a família! Regressada a casa, e tendo passado pela casa dos pais, vim carregada com os tomates do João. Fiz molho de tomate, doce de tomate, congelei tomates, fiquei com os menos maduros para consumo imediato. 

Entre tratar dos tomates, arrumar a cozinha, lavar e estender roupa, passei umas quatro horas na cozinha! E, no final da noite, fiquei feliz com a minha prestação! 

Domingo:

De novo acordada bem cedo, pelo mimado da casa! E ainda bem! Aproveitei para lavar a casa de banho, que teve direito a mimos! Um novo suporte para desodorizante sanitário. Um perfume para quem não ande a comer rosas, um tabuleiro para estar tudo arrumadinho (papel higiénico normal e húmido e o tal do spray). Ainda aspirei e lavei todo o chão. Tudo isto numa manhã. De tarde, fui para a casa dos pais, e é assim que espero passar os próximos finais de semana. Tenho dois bancos em fase de reciclagem, e que foram resgatados do lixo. Um deles já foi lixado e pintado, o outro, tivemos de colar e aqui, contei com o apoio do pai. 

E assim passei o meu fim de semana, novamente sem a habitual neura de final de fim de semana!

Concluo que esta atitude me ajudará a ser melhor profissional, pois ando menos stressada, apesar dos afazeres que mais não são do que uma espécie de terapia para relaxar.

Como preparei tudo? Escrevi na minha agenda, na seção "Tarefas", tudo o que queria fazer. E fiz quase tudo. 

E vocês? Como têm passado os dias de descanso do trabalho? Quais as vossas tarefas/terapias?

Bjo

Sem comentários:

Enviar um comentário

A sua opinião conta!