quarta-feira, 31 de julho de 2013

Muito desmotivada e nova decisão

As últimas semanas foram péssimas. Senti como se uma nuvem negra acompanhasse continuamente o meu caminho. Tudo me enervava. Era uma constante sensação de insatisfação. Tive a proposta de trabalho que veio provocar o meu sossego. Proposta que recusei porque não tinham orçamento e o que podiam pagar era metade do meu ordenado actual. Volto para a faculdade, o que implicou um enorme stress até que a candidatura fosse aceite. Depois foi o meu sobrinho que ficou comigo durante duas semanas. Quebrei uma regra de ouro, a de que durante o meu período de trabalho, não tomo conta de nenhum dos meus sobrinhos. Mas foi uma excepção que não se repetirá. E foi muito stressante. Por mais que eu pedisse que ele batesse levemente na porta antes de entrar, ele entrava no escritório a gritar pelo meu nome e a bombardear-me com perguntas. Já passou.

Esta semana, última antes de ir de férias, estou a tentar encontrar o meu rumo. Decidi que vou "amar" a minha chefia. Que vou desejar-lhe tudo de bom, do fundo do meu coração. Não vou guardar, nem quero sentir qualquer pingo de rancor, de insatisfação. Vou pensar a cada segundo que essa pessoa é a chefia. Vou pensar a cada segundo que quero este trabalho para pagar a faculdade. Quero este trabalho para realizar os meus sonhos. E os meus sonhos são muitos e eu quero realizá-los a todos sem excepção.

Vou de férias e quero descansar. Descansar das tarefas da casa, da rotina do trabalho. Enfim. O que quero mesmo é estender-me na areia a apanhar banhos de sol.

Regressada de férias, prometo que me vou agarrar ao trabalho com unhas e dentes. Prometo que deixarei aqui no blogue palavras de incentivo para quem, como eu, trabalha em casa, onde o tudo e o nada são motivo para desmotivar.

Entretanto, lembrem-se de todos os pontos de que falámos aqui no passado! Sempre vestidinhos, maquilhados (no caso das senhoras), pequeno almoço tomado, cumprir com o horário, conviver muito com os amigos (façam refeições solidárias, daquelas em que cada pessoa leva uma coisa), fazer desporto (estou a adorar ir ao ginásio!) e relaxar (tem de ser a palavra de ordem).

Obrigada por acompanharem este espacinho. Força! Todos conseguimos superar os obstáculos. É só querermos!

Bjo

2 comentários:

  1. Eu também estava com saudades de escrever e dar alento a quem vive a mesma realidade!
    Beijinho e volta sempre!

    ResponderEliminar

A sua opinião conta!